quarta-feira, agosto 13, 2014

WOLF CREEK 2

IMPIEDOSO & REPUGNANTE

Lá em 2005 o primeiro "Wolf Creek" chamou a atenção por trazer de volta aqueles filmes de terror bem realístas como era de praxe no período dos anos 70. Havia um assassino completamente insano e uma paisagem desolada para garantir a aflição.
No entanto, particularmente, o filme não me agradou.
Não que "Wolf Creek" seja ruim mas é que para mim era apenas mais um dentre tantos que já assisti.
Além do fato de que não me senti desconfortável com as situações vividas pelas vítimas o que na teoria era para eu sentir o contrário.
Alguns anos mais tarde, o cineasta Greg McLean decide voltar às peripécias do vilão Mick Taylor e pelo visto muda completamente a ótica que havia no filme original.
Se no primeiro as situações se desenrolavam vagarosamente e a violência era mais implícita, na sequência o ritmo é bem mais ágil.
Tudo acontece rapidamente e logo também percebemos o quanto Mick está mais impiedoso e repugnante do que anteriormente, aqui ao menos realmente o vilão demonstra ser um perigo real.
E sim, há muito mais sangue e detalhes escabrosos sobre o assassino. 
Quem deita e rola é John Jarrat como Mick Taylor que definitivamente ganha muito mais destaque e cenas.

O ponto forte de "Wolf Creek 2" é explorar a personalidade transtornada de Mick e assim nos sentirmos igualmente tão encurralados quanto as vítimas. A cena da tortura é um bom exemplo do temperamento oscilante do vilão e ficamos curiosos para sabermos de que jeito Paul, o torturado em questão, sairá dessa fria.
Mesmo assim,  não há nada muito do que você provavelmente já viu em outras produções.
NOTA 7,0
Compartilhar:

0 comentários:

Blogs Brasil

Postagens populares

Total de visualizações

Google+ Badge

Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

Pesquisar este blog

Seguidores