quarta-feira, julho 30, 2014

O LOBO ATRÁS DA PORTA

INIMIGO ÍNTIMO

Uma garotinha desaparece misteriosamente e a partir de investigações da policia, chega-se a amante do pai da criança. 
É bom se ater apenas a essa minúscula sinopse ao assistir o formidável "O Lobo atrás da Porta" e levar o choque com força total ao longo da história.
Dirigido competentemente por Fernando Coimbra, esse misto de drama com suspense é repleto de metáforas desde no título até nos detalhes das cenas ( o arroz derramado no chão, a rua bifurcada...) complementando a um roteiro impecável.
Rosa (Leandra Leal, que entrega uma atuação tão visceral quanto a de "Nome Próprio) é a moça que se engraça com um cara casado (Milhem Cortaz, também incrível) e que com sua feição angelical consegue esconder uma obsessão cada vez mais gritante.

É difícil num filme onde todos os atores estão ótimos em seus personagens. Desde o menos importante até os protagonistas, não há espaço em "O Lobo atrás da Porta" para uma atuação mediana.
No entanto, Leandra Leal é quem se delicia com sua Rosa e entrega facetas ora sombrias, ora inocentes, ora tristonhas... uma explosão de sentimentos num personagem tão complexo que é admirável perceber que a atriz conseguiu segurar o rojão com tanto brilhantismo.
Coimbra também não fica muito atrás, com sua estréia no cinema demostra um domínio visual estarrecedor. 
O jogo de sombras na cena da tempestade e o som das trovoadas ressoando cada vez mais ameaçador é uma palhinha das pistas de como anda o interior de Rosa e de que também deflagra que algo muito terrível esta à espera de acontecer.
Sem julgamentos e sentimentalismos baratos, "O Lobo atrás da Porta" definitivamente coloca o nome de Fernando Coimbra na lista dos diretores promissores.
E óbvio, também estará na lista das melhores estréias de 2014 .
NOTA 8,5
Compartilhar:

0 comentários:

Blogs Brasil

Postagens populares

Total de visualizações

Google+ Badge

Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

Pesquisar este blog

Seguidores