quinta-feira, abril 03, 2014

ATIVIDADE PARANORMAL: MARCADOS PELO MAL

ÚLTIMO SUSPIRO

Impressionante que em nome do dinheiro fácil, filmes com um roteiro até interessante se alongam em sequências que não acrescentam  em nada.
É o caso tipico desse exemplar de "Atividade Paranormal" que é uma variação das sequências, um novo rumo tomado depois do resultado desastroso do número 4 da série.
"Marcados pelo Mal" veio para dar um novo fôlego na franquia mas soou pra mim como o último suspiro agonizante.
Dessa vez com personagens latinos, acompanhamos  a rotina de Jesse (Andrew Jacobs) e seus amigos. No andar de baixo de sua casa, uma moradora como fama de bruxa falece. Mal sabe ele que há conexões entre sua vida e a da falecida.
Pra começar, o ritmo vagoroso e nada envolvente de "Marcados pelo Mal" emperra toda a trama e nem a revelação no desfecho (que conecta com o primeiro filme) consegue afastar o tédio.
Aliás, esse é o filme que menos me assustei de toda a série!
Não há suspense, tensão, desconforto, um calafrio ou um sobressalto que seja. 
Tudo vai piorando quando Jesse se tranforma numa especie de mutante com super poderes (lembrando "Poder sem Limistes" muitas vezes) afastando de vez uma atmosfera opressora e de perigo iminente que havia nos outros ( principalmente em "Atividade Paranormal 3", que continua ser o melhor depois do original).
Ao arriscar com personagens e cenários diferentes , "Marcados pelo Mal" esqueceu de ousar nos sustos e consequentemente no roteiro. Não engoli muita situação ali mostrada e por mais que reclamem dos filmes anteriores, ali houveram cenas de arrepiar a espinha de tão verossímil.

NOTA 5,0
Compartilhar:

0 comentários:

Blogs Brasil

Postagens populares

Total de visualizações

Google+ Badge

Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

Pesquisar este blog

Seguidores