sexta-feira, agosto 12, 2011

COMO ARRASAR UM CORAÇÃO

HEARTBREAKER

Que surpresa!
Essa comédia romântica francesa é bem agradável de assistir.
Devo confessar que fui esperando me entediar a cada minuto, afinal o gênero nunca foi o meu predileto.
Mas a verdade é que “Como Arrasar um Coração” não traz nenhuma novidade, renovação no já surrado filmes desse estilo. Em contrapartida, traz um frescor (as imagens paradisíacas de Mônaco e a língua francesa contribuem e muito para a diferenciação das toneladas comédias vinda dos EUA), leveza nos diálogos, situações engraçadíssimas e uma direção cheia de estilo.


O filme já começa muito bem, lembrando aquele tipo de produções de espionagem, agentes secretos e missões quase impossíveis.

Alex é um arrasador de corações profissional, ele é contratado para desmanchar casais exercendo todo seu charme pra cima das moçoilas. Juntamente com sua equipe, as missões designadas são organizadas no maior estilo “Missão: Impossível”, causando hilárias situações.

É claro que Alex vai se apaixonar aos poucos por uma de suas vitimas, e “Como Arrasar um Coração” vai seguindo um caminho que haverá uma tonelada de clichês já conhecidos e reconhecidos por todos.
Mas são clichês que não vão interferir no bom ritmo e nas referências que o diretor impregnou em seu filme, há uma tão bem humorada de “Dirty Dancing” (com direito a dança e tudo mais) e outras mais adiante.

O desfecho é previsível demais, mas não dava pra esperar outra coisa.

Compartilhar:

2 comentários:

Livia disse...

Sim, concordo com seus comentários!
Achei o filme foi agradável demais...
Porém quanto a previsão do desfecho, bem... não vejo isso como negativo.

M. Seiler disse...

sim foi um cliche inevitável e inofensivo kkkkkk

Blogs Brasil

Postagens populares

Total de visualizações

Google+ Badge

Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

Pesquisar este blog

Seguidores